24/01/2024 às 20h43min - Atualizada em 24/01/2024 às 20h43min

GM realiza operação especial em praças públicas

No total foram abordadas 46 pessoas, sendo 40 homens e 6 mulheres

GM realiza operação especial em praças públicas (Divulgação/PMSC)
A Guarda Municipal de São Carlos realizou de 20 a 23 de janeiro uma operação especial em três praças públicas da cidade.

A ação foi desenvolvida após denúncias de munícipes alegando que as praças da Independência, da Rodoviária e do Balão do Bonde estavam sendo frequentadas por indivíduos que não retornaram ao sistema prisional após a saidinha de final de ano, saída temporária que o preso que cumpre pena em regime semi-aberto tem direito caso tenha cumprido um sexto pena total se for primário, ou um quarto se for reincidente.

As equipes da Guarda Municipal realizaram abordagens durante o dia e principalmente noturna na tentativa de identificar esses indivíduos foragidos e também pessoas envolvidas com o tráfico de drogas e outros ilícitos.

No total foram abordadas 46 pessoas, sendo 40 homens e 6 mulheres. Todos tiveram a situação consultadas junto ao sistema CAD/SINESP, aplicativo do Ministério da Justiça que permite consultas de pessoas e veículos, bem como recebe ocorrências e notificações da central de atendimento e despacho.

Durante a operação não foi encontrado nenhum indivíduo com pendências com o sistema carcerário referente ao retorno da saidinha, mas foi localizado uma pessoa com várias passagens criminais. Um tráfico de drogas foi flagrado na praça da Rodoviária e encaminhado a Central de Polícia Judiciária (CPJ).

De acordo com o secretário de Segurança Pública, Samir Gardini, as abordagens são recorrentes, principalmente após o fim das saidinhas.

“Sempre após as festas do final de ano realizamos a operação para checar o retorno dessas pessoas para o sistema prisional. Além disso, checamos a questão da drogadição, porte de entorpecentes, traficância e outros irregularidades do ponto de vista criminal. Nesta operação encontramos indivíduos com passagens pela polícia junto com moradores em situação de rua. Também localizamos a pessoa que estava traficando na região da Rodoviária”, explicou Gardini.

O secretário entende ser importante essas ações para inibir a vinda para São Carlos de indivíduos com passagens pela Polícia, envolvidos em crimes, tráfico e demais delitos.

Já os moradores em situação de rua são atendidos pela Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social, por meio do Centro de Referência da População em Situação de Rua “Maria Marcondes Vilela” (Centro POP) e das Casas de Passagens.

O Centro POP está localizado na rua São Joaquim, 818, no centro. O horário de funcionamento é de segunda à sexta, das 8h às 17h. Já o pernoite é oferecido na Casa de Passagem Masculina (Albergue) que fica na rua Rotary Clube, 101, na Vila Marina e na Casa de Passagem Feminina, na rua Treze de Maio, 1.816, no centro.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp