06/02/2019 às 08h13min - Atualizada em 06/02/2019 às 08h13min

Gustavo Pozzi tem pedido de CPI da merenda aprovado pelos vereadores

Com 14 assinaturas, um número acima do requerido pelo Regimento Interno para abertura da Comissão, o próximo passo será a escolha dos membros que comporão a mesma Investigação

Na manhã desta terça-feira (5) o vereador Gustavo Pozzi (PR), após ter recolhido as assinaturas necessárias, protocolou o pedido de abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o motivo da falta de estocáveis e produtos cárneos na merenda escolar em 2018 e a possibilidade de eventual falta desses produtos para esse ano letivo.

Na justificativa para abertura da comissão, o vereador lembrou que em um grande período do ano de 2018 houve falta de carnes vermelhas e brancas nos estabelecimentos municipais de ensino e que não houve pontual administração das licitações para aquisição de novos itens por parte da Secretaria de Agricultura e Abastecimento.

O parlamentar lembrou ainda, que durante o ano passado realizou visitas a várias escolas, onde constatou a falta de itens cárneos para a alimentação de crianças e adolescentes.

Com 14 assinaturas, um número acima do requerido pelo Regimento Interno para abertura da Comissão, o próximo passo será a escolha dos membros que comporão a mesma, para iniciarem-se os trabalhos. A CPI tem o prazo de 90 dias para realizar a investigação, podendo estender o prazo por igual período.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp