19/10/2017 às 21h19min - Atualizada em 19/10/2017 às 21h19min

Brasil registra criação de 34,4 mil vagas formais de emprego em setembro

Pelo sexto mês seguido, mercado formal registrou contratações; setores da transformação, comércio e serviços foram os principais responsáveis pela abertura de novos postos CAGED

Pelo sexto mês consecutivo, o Brasil registra a abertura de novos postos de trabalho formal. Em setembro, foram criadas 34.392 novas vagas com carteira assinada. Com esse resultado, o País acumula 208,8  mil contratações formais apenas em 2017.

No mês, o resultado marca a primeira criação de empregos para os meses de setembro desde 2014, quando foram abertas 123,7 mil vagas.

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e foram divulgados, nesta quinta-feira (19), pelo Ministério do Trabalho. 

O Caged é um levantamento feito pelo Ministério do Trabalho que calcula o nível de emprego formal no País. Ou seja, ele mede as demissões e contratações que envolvem trabalhadores com carteira assinada. Quando há mais contratados que demitidos, significa que o Brasil gerou novos empregos, como ocorreu nos últimos seis meses.

Destaques

O grande responsável pelo desempenho do mercado de trabalho em setembro foi a indústria de transformação, que contou com a abertura de 25,6 mil postos de trabalho.

Na esteira do aumento do consumo das famílias, o comércio também registrou resultado expressivo. Em setembro, foram gerados pouco mais de 15 mil postos na área.

No recorte regional, o mercado de trabalho registrou resultado positivo em todas as regiões brasileiras, com destaque para a região Nordeste, com abertura de 29,6 mil postos, seguido pelas regiões Sul (+10,5 mil postos) e Norte (+5,3 mil postos). 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp