17/08/2017 às 11h11min - Atualizada em 17/08/2017 às 11h11min

Saúde investiga morte suspeita por vírus H1N1 em Araraquara

A vítima tem pouco mais de 40 anos e trabalhava como Agente Educacional em um CER - Centro de Educação e Recreação do municipal. Região em Alerta

O SESA – Serviço Especial de Saúde de Araraquara começou a investigar a causa da morte de uma funcionária pública, que faleceu nesta terça-feira, dia 15, no hospital, com complicações respiratórias. A vítima tem pouco mais de 40 anos e trabalhava como Agente Educacional em um CER - Centro de Educação e Recreação do municipal.

A suspeita, que passou a ser apurada pelo SESA, é que a mulher tenha sido infectada com o vírus Influenza A (H1N1), como confirmou a secretária de Saúde do município Eliana Honain na manhã de hoje, em entrevista ao Jornal da Morada (AM/FM).

A vítima, que trabalhava na rede municipal desde 2009, não apresentava problemas de saúde antes da infecção e estava vacinada desde o dia 20 de maio. Ainda nesta tarde, por telefone, o médico Walter Figueiredo, diretor do SESA, confirmou que o Serviço Especial de Saúde iniciou a apuração com foco inicialmente na Influenza A.

Este é o primeiro caso suspeito de H1N1 em Araraquara este ano. No início de junho o SESA confirmou a morte de cinco idosos do Lar São Francisco de Assis pelo vírus Influenza A (H3N2). Confira abaixo a entrevista com a secretária de Saúde.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp