12/08/2017 às 11h56min - Atualizada em 12/08/2017 às 11h56min

Airton Garcia explode mais uma vez, agora com mães de ONG

O encontro era para tentar resolver a situação de centenas de crianças assistidas pela ONG Sal da Terra. Jeito Airton de Ser

Reprodução

O prefeito Airton Garcia, perdeu a paciência e teve uma crise de raiva, ao ser questionado por algumas mães que participavam de uma reunião no auditório do Paço Municipal nesta sexta-feira (11). 

O encontro era para tentar resolver a situação de centenas de crianças assistidas pela ONG Sal da Terra. 

O prefeito ao ser questionado por uma das participantes da reunião respondeu, “agora eu tenho filho e você cuida do meu filho, que negócio que é esse? Do meu filho eu cuido, do meu filho eu cuido”, a partir deste momento o prefeito, como já ocorreu em outras vezes, se exaltou e começou a esbravejar com algumas das participantes. 

Airton foi contido por assessores que o retiraram do local às pressas, afim de evitar maiores desgastes. Participantes da reunião, gravaram o entrave com seus celulares e o dois vídeos viralizaram nas redes sociais e em grupos de WhatsApp. 

Não é a primeira vez que o Prefeito de São Carlos acaba se alterando ao ser questionado pela população, há pouco tempo outra confusão ocorreu dentro de seu gabinete no quinto andar do paço. 

Será Reaberto - Após reunião realizada na tarde desta sexta-feira (11), no Paço Municipal, com a participação dos secretários de Governo, Edson Fermiano, de Infância e Juventude, Paulo Wilhelm, da procuradora do município, Gabriela de Arruda Leite e do diretor de Convênios da Secretaria de Planejamento e Gestão, Eduardo Andreazi Moreira, e da presidente da ONG Sal da Terra, Lúcia Nordi, ficou estabelecido que a entidade retorne o atendimento na próxima segunda-feira (14). 

 

Hoje a ONG atende cerca de 300 crianças e adolescentes na faixa etária de 2 a 15 anos com atividades de recreação, esportivas e culturais no contraturno escolar. Para realizar esse atendimento até o fim deste ano, a entidade receberá R$ 432 mil, porém em virtude da lei que regulamenta o marco regulatório já estar em vigor, estabelecendo novas regras para as parcerias celebradas entre a administração pública, ONGs, associações e institutos, o município admitiu atrasos na celebração de um novo convênio, o que fez com que a ONG paralisasse o atendimento por um dia.

Notícia Relacionada - ONG Sal da Terra retoma o atendimento na segunda-feira no Zavaglia

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp