04/08/2017 às 20h16min - Atualizada em 04/08/2017 às 20h16min

Sincomercio São Carlos apoia ação contra instalação de Área Azul na Vila Prado

Sincomercio se posiciona contra a ideia e deve participar da Audiência Pública, no dia 11 de setembro, 90% Contra

O presidente do Sindicato do Comércio Varejista de São Carlos (Sincomercio), Paulo Roberto Gullo, se reuniu com o vereador Gustavo Pozzi (PR), na manhã desta sexta-feira (4), na Sede do Sincomercio, para discutir a questão da possível implantação do sistema de estacionamento rotativo, Área Azul, nas avenidas Sallum e Dr. Teixeira de Barros (Rua Larga), na Vila Prado, em São Carlos.  O assunto será pauta de Audiência Pública, requisitada por Pozzi, e já agendada para o dia 11 de setembro de 2017 (segunda-feira), às 19h, na Câmara Municipal.

Na reunião desta sexta-feira (4), Paulo Gullo apresentou pesquisa sobre o tema feita pelo Sincomercio em setembro de 2016. “Fomos de loja em loja e falamos com os comerciantes e moradores da Vila Prado, perguntando se queriam Área Azul. O resultado foi claro. Cerca de 90% foi contra. Por isso, e também por considerar o atual formato do sistema ineficiente, com falhas e com várias questões contratuais que devem ser revistas, o Sincomercio se posiciona contra a ideia e deve participar da Audiência Pública, no dia 11 de setembro, no sentido de contribuir para que a vontade do comerciante da Vila Prado seja atendida. Todos os comerciantes da região estão convidados e devem participar para demonstrar e registrar sua opinião”.

A informação sobre o estudo para implantação da Área Azul na Vila Prado, que está sendo feito pela Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito, foi anunciado pelo secretário Antonio Clovis Pinto Ferraz (Coca), em entrevista no dia 25 de julho e, posteriormente, confirmada.

Já no dia 27 de julho, o vereador Gustavo Pozzi (PR), declarou-se contra a implantação do sistema na Vila Prado. Segundo ele, há apenas três ruas no bairro, entre elas a Sallum e a Rua Larga, com maior fluxo de pessoas e veículos, devido à atividade comercial. “Mesmo nessas ruas há muitas residências e nas ruas próximas só há moradias. Implantar a Área Azul seria uma atitude que traria um transtorno para essas pessoas”.

Além disso, o vereador destacou que, como frequentador da Vila Prado e como pessoa pública, em nenhum momento sentiu ou ouviu reclamações sobre o estacionamento no bairro. “Penso que o secretário Coca foi infeliz em fazer essa proposta, porque não há fundamento para ela. Tanto que quando eu me posicionei contra, moradores e comerciantes da região me procuraram em apoio, inclusive me apresentando um abaixo-assinado contra a implantação, com mais de 150 nomes de pessoas que vivem e têm seus negócios por lá”.

O vereador adiantou que deverá, ainda, pedir explicações à Prefeitura Municipal de como ficará a situação do atual contrato com a empresa Hora Park, que faz atualmente o sistema de estacionamento rotativo em São Carlos e, se renovado, como isso será feito.  “Vamos divulgar amplamente a Audiência Pública para que todos saibam e possam participar. Será o momento dos moradores e comerciantes da Vila Prado se posicionarem, oficialmente, para que possamos evitar que a Área Azul seja implantada no bairro”, conclui Pozzi.

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp