27/10/2015 às 14h14min - Atualizada em 27/10/2015 às 14h14min

Roselei pede audiência pública sobre serviços de iluminação e últimos apagões

Assessoria de Imprensa CMSC / Thiago Jacot

O vereador Roselei Françoso (Rede), presidente da Comissão de Estudos sobre a iluminação pública municipal, solicitou por meio de requerimento à Mesa Diretora da Câmara o agendamento de audiência pública para tratar dos serviços de iluminação pública e dos últimos apagões ocorridos na cidade.

Diante da urgência e particularidade do caso, os membros da Comissão sugeriram a primeira quinzena de novembro para realização da audiência, e que sejam convocados representantes da Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), do Ministério Público do Estado de São Paulo, da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e da Prefeitura de São Carlos.

De acordo com Roselei, moradores dos bairros Santa Felícia, Santa Marta, Vila São José e Centro reclamaram de apagões ocorridos na última semana e que se estenderam até o sábado (24). Matérias veiculadas na imprensa dão conta que algumas localidades ficaram sem energia por mais de 40 horas. "Eles demonstraram bastante insatisfação com a prestadora do serviço público (CPFL), alegando descaso e despreparo no atendimento dessa situação emergencial. Isso ocasionou inúmeros e gravosos prejuízos para a população", comentou.

O parlamentar tem recebido inúmeros requerimentos e indicações clamando pela solução das questões de iluminação, que afetam diretamente o interesse público e a segurança noturna no município.

COMISSÃO – Além de Roselei, a Comissão de Estudos é formada pelos vereadores Aparecido Donizetti Penha (PPS) – relator –, Cidinha do Oncológico (SD), Equimarcílias de Souza Freire (PMDB) e Rodson Magno do Carmo (PSDB). Tem como objetivo diagnosticar as condições em que se encontra o sistema de iluminação pública municipal e formular um documento que norteie a atual e as futuras administrações a fazerem os devidos investimentos para o desenvolvimento da cidade. Desde 1º de janeiro de 2015, após uma determinação da ANEEL, as prefeituras devem assumir a responsabilidade pelo serviço. Em São Carlos, uma liminar da Justiça determina que a CPFL continue executando a manutenção do serviço de iluminação pública.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp