26/10/2015 às 20h59min - Atualizada em 26/10/2015 às 20h59min

Rabello pede audiência pública para tratar de fornecimento de energia elétrica

Nesta segunda-feira (26), o vereador José Luis Rabello (PSDB) apresentou na Câmara Municipal um requerimento solicitando a realização de uma audiência pública com a Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) para tratar do fornecimento de energia elétrica na cidade.

A audiência pretende discutir e esclarecer a constante falta de energia em vários bairros, a responsabilidade dos prejuízos causados pela interrupção do serviço e problemas com os postes de iluminação pública.

No documento, o vereador informa que recebeu em seu gabinete diversas reclamações sobre a ausência de fornecimento de energia e que os munícipes demonstram insatisfação com a prestação do serviço. Eles afirmam que a energia vem sendo interrompida sem aviso prévio e que a situação só é normalizada várias horas depois.

PREJUÍZOS - Além disso, Rabello destaca que a população sofre enormes danos, pois quando o fornecimento é retomado vários aparelhos eletrônicos são queimados. Os prejuízos são ainda maiores para empresários que trabalham no ramo alimentício, já que vários produtos perecem com rapidez sem refrigeração adequada.

"Em alguns casos houve até inicio de incêndio e como os moradores estavam em casa, conseguiram conter as chamas. Mas caso não houvesse ninguém na residência ou caso os moradores estivessem dormindo, a proporção destes incidentes poderia ser catastrófica", relata o parlamentar.

Os são-carlenses reclamam também do atendimento do serviço de 0800 da Companhia. De acordo com o vereador, após uma espera de 20 a 30 minutos para serem atendidos, os munícipes afirmam que a CPFL apenas transmite uma mensagem gravada, comunicando em quais bairros há falta de energia. No entanto, muitas vezes o usuário precisa informar uma ocorrência em outro bairro, mas não consegue falar com um atendente.

ILUMINAÇÃO PÚBLICA – Rabello também aponta que vários postes da iluminação pública ficam acesos 24 horas por dia, ocasionando um desperdício de energia, e outros estão com as lâmpadas queimadas, contribuindo para a falta de segurança e o aumento da criminalidade.

"O serviço de energia elétrica é essencial, e por isso deve ser prestado de forma adequada, eficiente, segura e contínua", ressalta o parlamentar.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp