12/03/2015 às 19h34min - Atualizada em 12/03/2015 às 19h34min

Paraná comenta denúncia de moradores sobre falta de médicos na UPA do Cidade Aracy

Moradores do Grande Cidade Aracy estão revoltados com a condição da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro. A ausência de médicos, principalmente nas trocas de turno, tem irritado as pessoas que necessitam de atendimento. Na última quarta-feira (11) a situação tornou-se insustentável, pois a unidade ficou sem médico plantonista praticamente durante todo o período da manhã.

"Várias pessoas vieram à minha casa reclamar pessoalmente da falta de médicos na troca da escala de trabalho. Nesta quarta-feira a UPA do Cidade Aracy não tinha médico para atender a população. As mesmas reclamações se repetiram no meu gabinete na Câmara Municipal e minha equipe de assessoria se deslocou até a UPA, onde confirmaram que não havia médico. Os munícipes afirmam que até a guarda municipal que presta serviços na unidade estava preenchendo fichas, o que caracteriza desvio de função. Este fato foi confirmado com fotos", afirmou o vereador Paraná.

Desavisada, a população foi novamente surpreendida com a ausência de médicos na UPA e nem mesmo um cartaz foi fixado na entrada para informar aos presentes. Os atendentes se limitam a informar que o problema é frequentemente ocasionado por médicos que faltam em seus horários de escala de trabalho.

"A questão é moral! O mínimo que se espera é que os médicos faltosos, ou que se atrasam corriqueiramente para a troca de turno, tenham os devidos descontos no vencimento. A população quer respeito à sua dignidade e que haja médicos atendendo normalmente, inclusive durante o período de troca de turnos".

O vereador ressaltou que a UPA do Cidade Aracy fica em uma das áreas mais populosas da cidade e atende milhares de pessoas por mês. O funcionamento é no sistema 24 horas, mas a ausência de médicos na unidade é frequente. Também lamentou que, mesmo com o local lotado, por vezes apenas um médico atende a todos e em outras vezes, não há nenhum médico presente para atendimento.

"Por mais que os funcionários sejam atenciosos e se desdobrem em cuidados, o sentimento é de insegurança. A população está ficando impaciente com esta situação de risco. Esperamos que as autoridades municipais tomem alguma atitude imediata em relação à falta de médicos na UPA da Cidade Aracy. As respostas das autoridades da saúde são sempre evasivas e não convencem a ninguém. É necessário que haja solução favorável aos usuários e, para isso, pulso firme por parte da Prefeitura com relação aos médicos plantonistas faltosos ou atrasados", completou o parlamentar.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp