19/11/2013 às 10h31min - Atualizada em 19/11/2013 às 10h31min

Acusado de matar mãe e filha se entrega à polícia

Valdete Aparecido dos Santos, apontado como o autor do homicídio que vitimou Aparecida Aguilar Davalle, de 72 anos, e Érica Aparecida Davalle, de 35, se apresentou à polícia no último final de semana, após se refugiar em casa de parentes em Ataléia (MG). No dia 6 de novembro, ele matou a facadas a ex-namorada e a mãe dela, no Cidade Aracy.

O delegado Gilberto de Aquino solicitou a prorrogação da prisão temporária do acusado e deve finalizar o inquérito nos próximos dias para pedir a preventiva. Valdete deve ser indiciado por duplo homicídio qualificado.

Segundo o suspeito, no dia do crime, ele até a residência para almoçar, já que a Aparecida fazia e vendia marmitas. Ao chegar ao local ficou aguardando na garagem e escutou a mãe dizer à filha que não aceitava a volta do relacionamento amoroso dos dois, ordenando que Érica mantivesse
distância dele.

Ainda teria dito à filha que se ele continuasse a persegui-la, iria matá-lo. Transtornado com esta afirmação, Santos teria saído do local e esperado nas proximidades, parente das vítimas sair da residência.

Quando ele saiu, Valdete adentrou à casa e procurou uma faca que estava escondida no quintal. Ele colocou a faca na cintura e foi até os cômodos dos fundos na intenção de matar Aparecida.
Quando chegou aos cômodos dos fundos onde estava Aparecida, começou a golpeá-la com a faca.

Depois se dirigiu aos cômodos da frente para falar a Érica sobre o que tinha feito. A filha ficou desesperada ao ver a mãe caída e teria tentado tirar a faca das mãos de Santos, foi
neste momento que ele também a golpeou. Valdete está no Centro de Triagem de São Carlos.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp