08/04/2013 às 11h16min - Atualizada em 08/04/2013 às 11h16min

Tricolor faz valer título de melhor visitante e vence o Botafogo em Ribeirão

Rubens Chiri / saopaulofc.net

Visitante mais ingrato deste Paulista, o São Paulo foi a Ribeirão Preto visando mais uma vitória no torneio para se aproximar do objetivo de fechar a primeira fase na liderança da competição e para manter a série de jogos vencendo fora de casa. E mesmo sem força máxima, o Tricolor conseguiu os três pontos com a vitória por 3 a 1, gols de Lúcio, Aloísio e Ademilson.

Com o resultado, a equipe soma 38 pontos e se mantém líder do Paulistão, já classificado para as finais do torneio. Além disso, o São Paulo derrubou um tabu: o Botafogo não havia perdido em casa nesta competição. Até este domingo, eram seis vitórias e um empate, com apenas um gol sofrido em todos esses jogos.

Ney Franco optou por não relacionar força máxima para a partida. Assim, Rogério Ceni, Paulo Miranda, Rafael Toloi, Edson Silva, Carleto, Denilson e PH Ganso não viajaram para Ribeirão. Jadson e Osvaldo, que atuaram no sábado pela Seleção, também não estiveram com a delegação. Machucado, Luis Fabiano foi desfalque para o jogo.

Sem esses atletas, Ney Franco escalou Denis no gol, Rodrigo Caio e Cortez pelas laterais, e Rhodolfo e Lúcio como dupla de zaga. Wellington e Fabrício foram os volantes, e a armação ficou por conta de Douglas e Cañete. Wallyson teve Ademilson como companheiro de ataque.

SUPERIORIDADE NUMÉRICA

Os 15 primeiros minutos de jogo foram de bastante igualdade. A primeira chance são-paulina veio aos 18, em jogada de velocidade. Ademilson partiu pela direita e cruzou muito bem para Cañete, as o meia não consegui finalizar. Alguns minutos depois, Zé Antônio fez falta em Douglas, e o árbitro expulsou o jogador do Botafogo.

Entretanto, apesar de ter mais volume de jogo, o time não conseguiu transformar a superioridade numérica em gols. Apesar de ter algumas chances, com Rhodolfo, de cabeça, e Cañete, com chute de longe, a primeira etapa terminou sem gols.

GOLS E VITÓRIA

A segunda etapa começou muito parecida com a primeira. Para dar mais força ofensiva, Ney Franco mudou duas vezes: Aloísio e Maicon entraram em campo nos lugares de Fabrício e Cañete. Aos 16 minutos, André fez falta em Ademilson, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso do jogo. Mas sem seguida, Rodrigo Caio também foi advertido pela segunda vez e teve que deixar a partida.

A última mudança de Ney Franco aconteceu aos 25 minutos, quando Cortez sentiu câimbras e teve de ser substituído por Henrique Miranda. Logo depois, Ademilson fez jogada e foi derrubado. Lúcio cobrou a falta frontal com força, a bola quicou no gramado, enganou o goleiro e entrou, abrindo o placar para o Tricolor.

Aos 34 minutos, o segundo do São Paulo. Wellington partiu em velocidade pelo meio e achou Aloísio bem posicionado na ponta direita da área. O atacante girou sobre o zagueiro e chutou forte, sem chances de defesa para Rafael.

Após o gol, o São Paulo perdeu mais um jogador. Maicon sentiu uma lesão muscular e teve que deixar o jogo. Sem direito a mais alterações, o Tricolor ficou com nove em campo, mesmo número de atletas que o rival. Mas a equipe não diminuiu o ritmo, e aos 39 veio o terceiro gol.

Ademilson ficou com a bola na lateral, tentou o toque de calcanhar e o zagueiro desviou. Mas a bola voltou para o atacante, que invadiu a área e tocou para o gol. Nos acréscimos, Dimba diminuiu para o Botafogo, mas não houve jeito: vitória do São Paulo, que garante a liderança e a manutenção da série invicta do Tricolor fora de casa: agora são seis partidas sem perder longe do Morumbi.

REAPRESENTAÇÃO

O Tricolor volta a treinar na tarde desta segunda-feira, no CT da Barra Funda. O próximo compromisso da equipe será na quarta-feira (10), quando o time enfrenta o União Barbarense, fora de casa, às 19h30, também pelo Campeonato Paulista.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp