08/03/2013 às 18h28min - Atualizada em 08/03/2013 às 18h28min

Superintendente do SAAE se reúne com diretores para explicar reestruturação administrativa

A diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos e Autárquicos Municipais de São Carlos (Sindspam), se reuniu na quinta-feira (07) em sua sede, com o superintendente administrativo do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), Miguel Ângelo de Oliveira. O encontro serviu para discutir o Projeto de Lei enviado para a Câmara Municipal na semana passada, que prevê alterações na estrutura administrativa e funcional da autarquia. O projeto era para ter sido votado pelos vereadores nesta semana, mas foi adiado para a próxima terça-feira (12).

Os diretores ouviram atentamente as explicações sobre o projeto e ficaram convencidos de que a alteração proposta pelo SAAE não implicará em nenhum prejuízo para o servidor público da autarquia.

Miguel Ângelo explicou que esse projeto prevê o enxugamento da estrutura do SAAE, equiparação dos salários dos servidores da autarquia com os da Prefeitura Municipal e uma economia de cerca de R$ 1 milhão por ano. "Esse projeto é positivo para o servidor, foi um pedido que o prefeito Paulo Altomani fez antes de tomar posse, para que fizéssemos um trabalho para o enxugamento da estrutura, para torná-la mais eficiente com menos cargo de confiança. Durante os estudos descobrimos algumas situações, uma delas é que no SAAE tínhamos empregos de carreira com salários padrão abaixo do que é praticado na Prefeitura, então estamos aproveitando e pedindo a equiparação desses salários e fazendo alguns acertos tornando-os iguais ao da Prefeitura. Outra novidade é que também estamos enxugando os cargos de comissão de 88 para 51, isso vai gerar uma economia aos cofres do SAAE da ordem de R$ 1 milhão ao ano", explicou o superintendente da autarquia.

Plano de Carreira - Questionado se essa mudança na estrutura do SAAE iria de alguma forma mexer com o plano de carreira dos servidores, Miguel Ângelo afirmou que isso não ocorrerá de forma alguma. "Nós não mexemos no plano de carreira justamente porque a gente entendeu que se tivesse de fazer alguma coisa a respeito, iríamos precisar de um tempo maior e também teríamos que levar o sindicato para fazer uma discussão mais ampla, mas nós não mexemos em nada o plano de carreira".

Sindicato aprova projeto – O diretor do Sindspam, Leonardo Rezende Nogueira, disse que o projeto apresentado pelo SAAE é interessante e que o mesmo se for colocado em prática na íntegra irá beneficiar os servidores.  "Diante de tudo o que foi exposto aqui nesse encontro, às preocupações que nós tínhamos, aparentemente são infundadas, não tem nenhuma alteração no plano de carreira, as alterações que serão feitas é para beneficiar os servidores, o Miguel nos disse que 65 % do quadro de servidores do SAAE terá equiparação salarial, uma diferença que será adequada em função do que é pago pela Prefeitura. A alteração prevê ainda uma redução de cargos e irá gerar economia anual, então se tudo isso realmente se concretizar e acreditamos que é o que vai acontecer, parece que esse projeto é realmente muito bom", afirmou.

O presidente Adail Alves de Toledo também disse que o projeto trará benefícios aos servidores do SAAE, principalmente para aqueles que terão seus salários equiparados com os servidores da Prefeitura Municipal. Adail destacou ainda que o projeto também prevê que 65 % dos cargos em comissão de gerentes e 100 % dos cargos em comissão de chefe de setor, deverão ser preenchidos pelos servidores públicos efetivos do SAAE.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp