06/03/2013 às 22h05min - Atualizada em 06/03/2013 às 22h05min

Marquinho Amaral concede entrevista na Universitária FM

O presidente da Câmara de São Carlos, vereador Marquinho Amaral (PSDB), participou nesta quarta-feira (6) do quadro "Um vereador às suas ordens", no programa Assunto do Dia, comandado pelo comunicador José Antonio.

Na oportunidade, o tucano conversou com os ouvintes da rádio Universitária FM, explanando sobre diversos assuntos do Poder Legislativo.

Marquinho também falou sobre a aprovação do projeto de lei de autoria do prefeito Paulo Altomani (PSDB) sobre a criação de cargos de confiança na prefeitura, assunto bastante debatido na sessão ordinária da última terça-feira (5).

Outros assuntos também foram abordados pelo vereador, entre eles, o motivo da atitude do atual prefeito ter tomado a decisão de cancelar as obras da Praça Itália. "Existem construtoras e construtoras. Essa foi mais uma das obras eleitoreiras da antiga administração municipal", disse.

O tucano explicou que a prefeitura emitiu uma nota explicando que foi informada pela empresa vencedora da Licitação para realização da obra de duplicação da passagem sob a linha férrea, entre a Praça Itália e a rotatória da Jesuíno de Arruda, realizada com recursos da União, por meio do DNIT, sobre a rescisão de contrato. O objetivo da obra de duplicação da Praça Itália era melhorar o fluxo de veículos e eliminar problemas que acontecem naquela região como as enchentes.

"No ofício encaminhado à Prefeitura em 26 de fevereiro de 2013, a empresa alega que em 11 de junho de 2012 foi emitida a ordem de início de serviços pela Secretaria de Planejamento e Gestão da Prefeitura de São Carlos e que a partir daí a empresa providenciou alojamentos, construiu canteiros de obras e mobilizou a mão de obra e equipamentos necessários ao início dos serviços, porém, ao iniciar os seus serviços, constatou que os projetos do viaduto fornecidos em edital não haviam sido apresentados à empresa concessionária da ferrovia, América Latina Logística (ALL) e, em consequência, não aprovados até o momento", disse. "O Altomani herdou uma cidade quebrada", completou.

Ao final do programa, Marquinho respondeu vários questionamentos dos ouvintes. "Estou aqui para isso. Fui eleito pela população e tenho que prestar contas à ela", disse.

O presidente, que comparece de 15 em 15 dias no programa, deve voltar no próximo dia 20 de março, a partir das 12 horas, em 102,1 mhz FM. "Convido desde já, a população de São Carlos para nos ouvir e participar conosco", finaliza.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp