05/03/2013 às 23h51min - Atualizada em 05/03/2013 às 23h51min

São Carlos fica fora da lista de cidades que receberão Grupo de Atendimento e Resgate

A Cidade de São Carlos mais uma vez não foi comtemplada com um serviço de grande importância na área de resgate emergencial no Estado. Apesar de possuir uma estrutura de serviços emergiciais com o SAMU e Bombeiros, o serviço do GRAU tornaria a cidade ainda mais equipada e estruturada para atender as ocorrências emergencias com mais qualidade e rapidez

Com investimento de R$ 34,7 milhões por meio da Secretaria da Saúde, o Governo de São Paulo está ampliando a estrutura do resgate médico no Estado. Nesta segunda, 4, o governador Geraldo Alckmin anunciou a compra de ambulâncias, instalação de novas bases operacionais e contratação de médicos especializados do Grau (Grupo de Atendimento e Resgate às Urgências).

O Grau é referência nacional e até mesmo internacional em resgate médico e atendimento a desastres. Alckmin lembrou que "o grupo atuou em acidentes graves sempre fazendo uma enorme diferença". "Aqui em São Paulo terá mais equipamentos, mais ambulâncias, com 136 médicos especializados e 122 enfermeiros", afirmou o governador.

Para reforçar e agilizar o socorro pré-hospitalar, a Secretaria comprou 55 novas ambulâncias superequipadas com todos os recursos de suporte avançado às vítimas, além de materiais e insumos necessários para o atendimento.

Ampliação

Mais nove bases do Grau serão instaladas nas cidades de Bauru, Araçatuba, Ribeirão Preto, São José dos Campos, Presidente Prudente, Praia Grande, São José do Rio Preto, Sorocaba e Piracicaba até o próximo ano. O grupo já mantém cinco bases na capital, incluindo o grupamento aéreo, que atuam em toda a região metropolitana da Grande São Paulo.

Os médicos e enfermeiros do Grau terão o apoio de 21 helicópteros da Polícia Militar para transporte aéreo de pacientes com quadros gravíssimos e risco iminente de morte. "É um tempo mais rápido no atendimento e aumento da qualidade deste atendimento. A formação dos profissionais faz toda a diferença", destacou Alckmin.

Chamado de "tropa de elite" da Secretaria, o Grau esteve presente em tragédias como a explosão do Osasco Plaza Shopping (1996), queda do teto da Igreja Renascer, quedas das aeronaves da TAM (1996), Gol (2006) e a dos Mamonas Assassinas (1996), além das enchentes que atingiram Santa Catarina (2008), São Luiz do Paraitinga (2010) e Alagoas (2010).


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://saocarlosdiaenoite.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp