NESTA TERÇA-FEIRA (29/09) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - RUA MIGUEL PETRONI (RODOVIA/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - RUA JOAQUIM RODRIGUES BRAVO (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H;

RADAR 3 - AVENIDA COMENDADOR ALFREDO MAFFEI (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

 

 

O ranking do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) referente ao ano de 2019, divulgado esta semana pelo Ministério Educação, aponta que em São Carlos a Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Angelina Dagnone de Melo ficou com a primeira posição nas escolas da rede municipal de ensino, para alunos da quarta série/ quinto ano do ensino fundamental, obtendo nota 7.5.

Ela ficou à frente da EMEB Antonio Stella Moruzzi, que obteve nota 7.4 e da EMEB Carmine Botta que obteve a mesma nota. Na rede estadual de ensino, a escola Paulino Carlos obteve nota 8.1 e foi a melhor entre as escolas de quarta série/quinto ano do ensino fundamental. Já entre as escolas de oitava série/nono ano do ensino fundamental, a escola Conde do Pinhal obteve nota 7.1 e foi a melhor colocada da rede estadual nessa faixa etária. A escola também é a melhor da cidade no ensino médio, com nota 6.3.

O que é - Ideb é o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, criado em 2007, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), formulado para medir a qualidade do aprendizado nacional e estabelecer metas para a melhoria do ensino.

O Ideb funciona como um indicador nacional que possibilita o monitoramento da qualidade da Educação pela população por meio de dados concretos, com o qual a sociedade pode se mobilizar em busca de melhorias. Para tanto, o Ideb é calculado a partir de dois componentes: a taxa de rendimento escolar (aprovação) e as médias de desempenho nos exames aplicados pelo Inep. Os índices de aprovação são obtidos a partir do Censo Escolar, realizado anualmente.

As médias de desempenho utilizadas são as da Prova Brasil, para escolas e municípios, e do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), para os estados e o País, realizados a cada dois anos. As metas estabelecidas pelo Ideb são diferenciadas para cada escola e rede de ensino, com o objetivo único de alcançar 6 pontos até 2022, média correspondente ao sistema educacional dos países desenvolvidos.



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo