NESTA TERÇA-FEIRA (29/09) OS RADARES ESTARÃO OPERANDO NOS SEGUINTES LOCAIS:

RADAR 1 - RUA MIGUEL PETRONI (RODOVIA/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H;

RADAR 2 - RUA JOAQUIM RODRIGUES BRAVO (CENTRO/BAIRRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 50 KM/H;

RADAR 3 - AVENIDA COMENDADOR ALFREDO MAFFEI (BAIRRO/CENTRO) VELOCIDADE MÁXIMA PERMITIDA DE 60 KM/H.

 

 

A greve dos Correios atingiu as entregas de boletos e contas fornecidas fisicamente, também na cidade de São Carlos. Mesmo assim, juridicamente, as pessoas ainda são obrigadas a pagar suas contas até a data de vencimento.

Para evitar atraso no recebimento do boleto da mensalidade, a ACISC (Associação Comercial e Industrial de São Carlos) informa que, a partir deste mês, os associados receberão suas faturas pelo e-mail ou pode baixá-lo através do site da entidade no www.acisc.com.br.

Aqueles que preferirem, também podem solicitar a impressão do boleto, presencialmente, na sede da ACISC, que está localizada na rua General Osório, 401, esquina com a rua Riachuelo. 

“É importante os associados manterem-se em dia a sua mensalidade para continuarem recebendo os benefícios e serviços prestados pela nossa entidade. Através dos nossos canais, os associados também podem realizar negociações de possíveis faturas que estejam em atraso”, ressalta o gerente Administrativo e Financeiro da ACISC, Alexandre Rosa.

Os funcionários dos Correios estão em greve desde o dia 17 de agosto – e, segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas dos Correios e Similares (Fentect), não há um prazo para o fim da paralisação.

O motivo da greve seria a quebra de um acordo coletivo, segundo a categoria. A reclamação é de que os trabalhadores vão perder 70 dos 79 benefícios garantidos anteriormente, como adicional de 30% por risco, licença-maternidade de 180 dias, entre outros. Segundo os Correios, os benefícios custam R$ 1 bilhão à estatal e a retirada adequa termos que "extrapolavam a CLT e outras legislações".

Mais informações também podem ser obtidas através do telefone 3362.1900.

 



Adicionar comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal SCDN. Se achar algo que viole as regras de uso, denuncie.


Código de segurança
Atualizar codigo